Marjorie Tallchief

Após completar seu treinamento em Los Angeles, Tallchief começou a se apresentar para várias companhias de dança. No livro American Indian Ballerinas, Lili Cockerille Livingston escreveu que Marjorie Tallchief teve sua estréia profissional com Lucia Chase e Richard Pleasant’s Ballet Theatre como solista do primeiro ano, em 1944. De acordo com a Enciclopédia de História e Cultura de Oklahoma, estas incluíram: “The American Ballet Russe de Monte Carlo (1946-47), o Grand Ballet du Marquis de Cuevas (1948-55), o Chicago Opera Ballet de Ruth Page (artista convidada, 1958-62), e o Harkness Ballet (prima bailarina, 1964-66). Seus papéis mais aclamados foram interpretados em Night Shadow (1950), Annabel Lee (1951), Idylle (1954), Romeu e Julieta (1955) e Giselle (1957)”

Tallchief foi a primeira nativa americana a ser “première danseuse étoile” do Ballet da Ópera de Paris e interpretada com o Grand Ballet du Marquis de Cuevas. Durante sua carreira ela também se apresentou para dignitários como os presidentes dos EUA John F. Kennedy e Lyndon B. Johnson, e o presidente francês Charles de Gaulle. Marjorie ensinou na Academia de Ballet Cívico de Dallas, mais tarde conhecida como Dallas Ballet. Após sua aposentadoria do palco, ela atuou como diretora de dança para o Dallas Ballet, a Chicago Ballet School e o Harid Conservatory até 1993.

Deixe um comentário